Cyberviciados

Esse post é sobre um tema já discutido nos blogs do Cláudio e do Afonso. O vício dos tempos modernos. O vício em internet. Nesses dois blogs aparecem alguns testes com características que definiriam o vício.

Segundo o Hospital Universitário de Munique, cyberviciado é quem preenche pelo menos 5 dos seguintes fatores:

1. Forte ânsia ou um tipo de pressão interna para usar a internet
2. Perda do controle sobre o tempo gasto “on line”
3. Claros sinais de síndrome de abstinência (como inquietação, nervosismo) com a falta de uso da internet
4. Nítido distanciamento da vida social imediata, devido ao uso da internet
5. Problemas sociais por causa da internet, como no trabalho, na escola ou no relacionamento amoroso
6. continuação do comportamento prejudicial, apesar de a pessoa ter consciência das conseqüências negativas do uso da internet

A lista da psiquiatra estadunidense, Dra. Orzack, especifica sintomas psicológicos e físicos:

THE SYMPTOMS OF COMPUTER ADDICTION are quite specific:

Psychological Symptoms

Having a sense of well-being or euphoria while at the computer
Inability to stop the activity
Craving more and more time at the computer
Neglect of family and friends
Feeling empty, depressed, irritable when not at the computer
Lying to employers and family about activities
Problems with school or job

Physical Symptoms

Carpal tunnel syndrome
Dry eyes
Migraine headaches
Back aches
Eating irregularities, such as skipping meals
Failure to attend to personal hygiene
Sleep disturbances, change in sleep pattern

Já este outro teste é da Associação Psiquátrica Estadunidense e foi publicado pela Folha Online:

1. Apresentar tolerância (necessidade de aumentar cada vez mais o tempo de uso da internet para obter a mesma satisfação)

2. Apresentar abstinência (após diminuir ou cessar o uso, sentir efeitos como ansiedade, tremores, agitação, movimentos voluntários ou involuntários dos dedos, pensamento obsessivo sobre o que está acontecendo na internet, fantasias ou sonhos sobre a internet)

3. Usar a internet para aliviar ou evitar os sintomas da abstinência

4. Usar a internet mais freqüentemente ou por mais tempo do que havia planejado

5. Gastar tempo significante com atividades relacionadas à internet (ler livros on-line, descobrir novas páginas, fazer compras, reservar ingressos de cinema – o mundo parece só funcionar por meio da internet)

6. Desistir ou reduzir atividades recreativas, sociais ou profissionais por causa da internet

7. Correr o risco de perder relações significantes, trabalho ou oportunidades na carreira e aulas por causa do uso excessivo da internet

Para ser considerado um dependente de internet é preciso apresentar três ou mais desses critérios por pelo menos um ano.

Pesquisas mais recentes apontam novos sintomas: cansaço ou irritabilidade, utilizar a internet como forma de escapar de problemas, mentir para familiares e amigos sobre o grau de envolvimento com a internet.

Bom, esses testes trazem todos sinais genéricos do problema, aqueles que são comuns a quase todos os cyberviciados. Agora eu trago uma lista bem mais detalhada de sintomas do vício em internet:

  • Seus cartões de visita trazem o endereço de seu email, MSN, ICQ e blog
  • Você compra um laptop para poder surfar enquanto estiver no troninho
  • Você desistiu de procurar a “mulher de sua vida” e fica no computador tempo suficiente para se cansar a ponto de não se preocupar mais com isso
  • Você pede ao advogado da sua mulher para lhe mandar os papéis do divórcio via email
  • Seu computador custa mais caro que seu carro
  • Você beija o blog da sua namorada
  • Sua mulher põe uma peruca em cima do monitor para você se lembrar de como ela é
  • Todos os seus amigos têm um @ no nome
  • Você liga o interfone ao sair do quarto, para poder ouvir no caso de chegar um E-mail
  • Quando você vai ao banheiro diz que irá fazer um download
  • Você começa a sonhar em HTML
  • Quando o filtro anti-spam funciona, a Depressão por Deficiência de Email (DDE) faz você mandar email para si mesmo
  • Sua vida social está toda nos Orkontros
  • Você perde o medo dos vírus e spywares
  • Você já conhece todos os menus do mIRC
  • Você tem mais de 5 mIRCs instalados no seu disco rígido
  • O suporte técnico do seu provedor recorre a você mais de duas vezes por semana
  • Vc sb ler palavras abrv s/ o < esforço
  • Seu provedor começa a lhe chamar de Dr.
  • Suas horas de sono foram reduzidas a menos da metade
  • Você não sai do computador antes das 3h da manhã
  • Pode dizer, de cabeça, o endereço completo de 10 sites de que mais gosta e escreve sua home page em html sem pedir ajuda.
  • Consegue acessar mais de vinte sites eróticos, de graça
  • Ao apreciar uma paisagem, comenta que as imagens poderia ganhar uns 10% a mais de magenta e uma resolução melhor
  • Dirigindo numa rua qualquer, começa a estranhar os endereços, pois eles não começam com http://, gopher:// ou ftp://
  • Alguém lhe pede para guardar alguma coisa e você, instintivamente, procura o comando file/save dentro da cabeça
  • Acha mais fácil conectar-se ao seu provedor e acessar o endereço http://www.meteorologia.com/sua-cidade/agora.html do que simplesmente abrir a janela e olhar o tempo
  • Começa a usar freqüentemente frases como “com-fome.quero.comida@casa.agora.nhac”
  • Encomenda quase tudo que consome pela internet
  • Descobre que está apaixonado por alguém que nunca viu – só conhece por E-MAIL
  • Seu provedor de acesso sugere que você se inscreva no concorrente… porque todos os terminais costumam ficar sobrecarregados só com a sua conexão
  • Instala o terceiro modem e uma linha dedicada em casa
  • Acessa a página da Microsoft todos os domingos pela manhã para ler o sermão dominical do Grande Irmão Bill Gates
  • Seu disco de 60Gb está lotado de downloads que você ainda não abriu e não lembra mais para que servem
  • Seu Pentium 4 de 3.2GHz e 1GB de memória RAM fica meio lento
  • Acha que deve digitar http:// ou ftp:// para ir ao supermercado
  • Consegue acessar a internet com seu notebook e o telefone celular, em pleno trânsito, para acessar os computadores do PENTÁGONO e programar um míssil Tomahawk, direcionado para o motorista do carro que lhe deu uma fechada na última curva
  • Tenta dar um Alt+F4 para fechar a janela do carro
  • Fica entusiasmado se alguém lhe diz que descobriu um novo programa, mas se frustra quando ele esclarece que é na televisão
  • Viu “A Rede” 63 vezes
  • Revistas como “Internet World” ou “Mundo Linux” lhe parecem mais interessantes do que “Playboy”
  • Mantém mais de 20 endereços eletrônicos e 30 senhas diferentes
  • Já construiu uma home page para seus filhos…. e seus gatos
  • Você não conhece ninguém que não tem e-mail
  • Para você “sexo seguro” significa “sexo on-line”
  • Você convence sua mãe a ter um endereço eletrônico por que sai mais barato do que as ligações interurbanas
  • Você nota que seus poucos amigos também só falam em internet o dia todo, e dentro de lanchonete e no ônibus vocês começam a chamar a atenção pela conversa estranha e sem sentido para os demais
  • Ao ler uma revista ou jornal você procura o mouse para dar um ZOOM
  • Começa a carregar lanches estranhos para comer na frente de seu computador sem lembrar que tem uma lanchonete próxima a você onde se lancha mais confortavelmente
  • Quando alguém conversa com você, normalmente você não responde e parece estar em transe cibernético
  • Você se despede de alguém dizendo “me manda um e-mail”
  • Você acorda as 3h da manhã para ir ao banheiro, e depois, antes de voltar para a cama, pára para ver se há mensagens de e-mail
  • Você faz uma tatuagem dizendo “Best viewed with Firefox”
  • Você passa metade da viagem de avião com um laptop no colo, e seu filho no compartimento de bagagens de mão
  • Você resolve passar um ou dois anos a mais na faculdade, só para continuar tendo acesso gratuito à Internet
  • Você ri de quem tem modem no computador e não conexão dedicada
  • Você começa a inclinar a cabeça para o lado ao sorrir
  • Você se vê digitando “com” depois de cada ponto final quando está usando um processador de textos
  • Quando vai ao banheiro, você diz que vai fazer um download
  • Você começa a se apresentar às pessoas como “Fulano de Tal Arroba AOL ponto com”
  • Seu gato tem um blog
  • Você dá uma olhada na sua caixa de correio eletrônica. Ela diz, “No new messages on the server”. Então você clica para olhar novamente.
  • A sua conta telefônica chega embalada numa caixa
  • Você fala para o motorista de taxi ir para o endereço http://www.rua.jardins.130/casa/tijolinho.html
  • Seu disco rígido entra em pane. Faz duas horas que você não entra na rede.
  • Você começa a ter espasmos. Pega o telefone e disca manualmente o número do servidor. Você tenta fazer com a boca o som do modem se ligando à rede… e dá certo.
  • Uma mosca pousa no monitor e você tenta matá-la com a setinha do mouse
  • Sua lista de bookmarks leva quase 15 minutos para carregar
  • Você se recusa a sair de férias para um lugar sem cybercafé
  • Você finalmente faz aquela viagem de férias… mas só depois de comprar um laptop e um modem para celular
  • Você se acha imaginando assuntos e palavras para procurar no Google
  • Você faz a lição de casa em HTML e entrega ao seu professor a URL
  • Você nem sabe qual o sexo dos seus três melhores amigos, porque eles têm nicks neutros e você nunca se interessou em perguntar
  • Você chama seus filhos de Eudora, Mozilla e Pontocom
  • Seus amigos não te mandam mais e-mails… eles entram no MSN
  • Sua mulher cria uma nova regra: “O computador não pode vir para a cama.”
  • Você consegue ler uma lista como esta até o fim
(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 10 total, 2 max)