Tática de negociação

– Alô.

– Designers Associados Silva. Bom dia!

– O Silva, por favor…

– Quem gostaria?

– Seu Manoel.

– Um momento.

– Pois não.

– Sr. Silva? Aqui é o Seu Manoel da padaria. Tudo bem?

– Tudo bem. Em que posso ajudá-lo?

– Estou ampliando meu negócio e gostaria de mudar a marca da minha padaria. Quanto custa?

– Bem, como assim…

– Queria saber quanto sai para fazer uma marca pro meu negócio.

– Seu Manoel, os custos podem variar de acordo com uma série de fatores: tamanho, faturamento, classificação do negócio, exposições da marca, possíveis aplicações etc.

– Tudo bem, mas quanto custa?

– Como te falei, o ideal seria marcar uma reunião. O senhor me apresenta as “questões” da marca e “desenhamos” um “briefing”.

– Ih! Com esse tal de briefing é mais caro?

– Não meu senhor, trata-se apenas de uma coleta de dados para que eu saiba como conduzir melhor o trabalho.

– Mas é muito simples: Padaria do Seu Manoel, e acabou.

– Tudo bem, mas é necessário que uma pesquisa de mercado seja efetuada. Preciso conhecer seu negócio.

– O senhor nunca foi a uma padaria?

– Claro que fui… Obviamente!

– Então é isso! É tudo igual: pão, leite, bolo, frango assado… Essas coisas de sempre.

– Ok. Mas insisto que nos encontremos para levantar algumas questões e fechar o negócio.

– Seu Silva, não me leve a mal, mas acho que o senhor não entendeu. Eu estou te ligando para saber quanto custa.

– Bom, então o senhor quer mais objetividade?

– Isso mesmo!

– Segundo a Tabela do Sindicato dos Designers da Região Central da Planície de Montes Verdes, uma marca – incluindo layout, arte-final e manual da marca custa, exatamente, três mil novecentos e sessenta e oito reais e setenta e três centavos.

– O que… Tá maluco?

– Como assim?

– Está achando que eu sou português?

– Não senhor… Quero dizer, sim Seu Manoel. Esse é o preço praticado pelo mercado.

– Mas o meu negócio é padaria… Você sabe quanto custa um pãozinho? Teria que vender muitos pães para pagar essa marca. Está muito alto!

– Mas foi exatamente por isso que eu queria marcar uma reunião com o senhor.

– Com a reunião o preço abaixa?

– Vamos conversar.

– Então tá… Que horas?

– Que tal 10h30 nesta quarta?

– 10h30? Muito tarde!

– Mas é meu primeiro horário de trabalho.

– Está brincando! Eu acordo todo dia às 4h30 da manhã para trabalhar, dia após dia, incluindo sábado e domingo, e o senhor, que chega ao trabalho às 10h30 quer me cobrar três mil novecentos e sessenta e oito reais e setenta e três centavos por uma marca?

– Tudo bem, então podemos marcar pro fim do dia: 21h00 tá OK?

– Que é isso! Nessa hora eu já to indo para cama. Eu não posso acordar tarde como você não… Tenho de trabalhar!

– Então é o seguinte Seu Manoel: nada de reunião entrevistas, briefing… Na segunda que vem te apresento uns layouts e tudo bem.

– Mas… Quanto custa?

– Tudo bem, tudo bem… Seu negócio é pequeno. Vou tirar o manual da marca e fazer um grande desconto para viabilizar o negócio: R$ 1.173,47.

– R$ 1.000,00 para arredondar?

– Tudo bem… Tudo bem.

– Segunda que vem?

– Sim senhor, na próxima segunda um rapaz irá deixar os layouts para sua aprovação.

– Fechado.

– Fechado! O senhor poderia me passar o endereço para a entrega?

– Só um momento, vou transferir para minha secretária…

MENSAGEM DE ESPERA: “Com 73 lojas espalhadas pelo estado, e mais 7 no exterior, a Padaria do Seu Manoel é a única que possui uma ampla estrutura de entregas e serviços. Para sua comodidade acesse: www.padariadoseumanel.com e faça suas compras sem sair de casa. Na Padaria do Seu Manoel você encontra mais de 15.000 diferentes produtos! Nesse mês não perca nossa promoção: a cada R$ 20,00 em compras você ganha uma cartela para concorrer a 30 casas, isso mesmo, são 30 casas no valor de R$ 60.000,00 cada uma! É uma casa por dia! O resultado da Promoção Casa Própria do Seu Manoel será divulgado nos intervalos do Jornal Nacional. Participe! Padaria do Seu Manoel, onde quem ganha é você!”

Atualizando: A autoria deste texto pertence ao designer e colunista Luciano Cian. Foi originalmente publicado no site GRITO com o título “Quanto custa?”.

(postado originalmente em 23 de maio de 2003)

(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 3 total, 1 max)