O bispo responde II: CARTILHA SEXUAL

Cartilha contra a libertinagem sexual da Igreja Universal, retirada do livro “Castigo Divino”. Veja os comentários sobre o pecado das seguintes posições sexuais:

Posição de quatro – É uma das posições mais humilhantes para a mulher, Pois ela fica prostrada como um animal enquanto seu parceiro ajoelhado a penetra. Animais são seres que não possuem espírito, então o homem que faz o cachorrinho com sua parceira, FICA com sua alma amaldiçoada e fétida.

Sexo Oral – O prazer de levar um órgão sexual a boca é condenado pelas Leis divinas. A boca foi feita para falar e ingerir alimentos e a língua para Apreciar os sabores. A mulher engolindo o sêmen não vai ter filhos. E o homem somente sentirá dores musculares na língua ao sugar a vagina de sua parceira.

Sexo Anal (Sodomia) – O ânus é sujo, fétido e possui em suas paredes milhões de bactérias. É o esgoto propriamente dito. No esgoto só existe ratos, baratas e mendigos. A pessoa que sodomisa ou é sodomisada ela se Iguala a um rato pestilento. Seu espírito permanece imundo e amaldiçoado. Mas o pior é quando o ato é homossexual, pois o Passaporte dessa infeliz criatura já está carimbado nos confins do Inferno.

Vejam a maneira certa de se relacionar sexualmente com sua parceira, segundo A Cartilha:

Posição Recomendada – O homem e a mulher devem lavar suas partes com 1 Litro de água corrente misturado com uma colher de vinagre e outra de sal grosso. Após isso, a mulher deve abrir as pernas e esperar o membro enrijecido do Seu Parceiro para iniciar a penetração. O homem após penetrar a mulher, não deve encostar seu peito nos seios dela, deve manter uma distância pois a fêmea deve estar rezando aos Santos para que seu óvulo esteja Sadio ao encontrar o espermatozóide. Depois do ato sexual, OS dois devem rezar, pedindo perdão pelo prazer proibido do orgasmo. Como penitência, o açoite com vara de bambu é aceito como forma de purificação.

Comentário da Roberta, que me mandou esse texto: “Só posso concluir duas coisas: ou nos veremos todos no inferno, ou vai faltar bambú no mundo!”

(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 3 total, 1 max)