O primeiro encontro eu nunca esqueci (ou: como surgiu o Amaury Jr. da blogosfera)

Excelente a festa ontem!

Já conhecia esse tipo de encontro, por ter experiência de encontros do pessoal de BBS, lá pelos idos de 1995. É sempre interessante ver aquelas pessoas passarem de simples nomes na tela para seres de carne e osso (e charme, no caso das meninas, como direi adiante…).

Havia cerca de 20 pessoas na festa, mas nem todos eram blogueiros. Esses agregados adoraram o encontro. A comunidade blogueira não é um bando de fanáticos malucos tipo a seita Moon ou a seita dos webdesigners da Califórnia.

Voltando à parte do charme: finalmente dividi o mesmo espaço com a belíssima e charmosíssima Elis Monteiro!!! Já sabia como ela era porque participou de uma palestra na UERJ no ano passado, com o pessoal do caderno de informática do GLOBO. Só o cabelo estava diferente (prefiro como era, mais comprido um pouco). O André Machado é do GLOBO e também esteve na palestra e na festa.

A Vanessa (acho que é esse o nome da menina) é uma gracinha de paulista, pena que já está prometida ao irmão da Elis. Os agregados (não-blogueiros) são todos gente finíssima.

A Suely pegou os endereços dos blogs de todos.

Só tem um problema: 15 merrecas de consumação:”(O encontro aconteceu no Bar do Ernesto, na Lapa, e era mesmo carinho na época)”: é um exagero. Só fui porque era uma coisa (mais ou menos) nova pra mim. Sem falar que pedido de Elis é uma ordem. Por favor, façam a próxima festa em um lugar um pouco mais acessível ($$$).

Enfim, fiquei muito feliz. E com uma certa vontade de comer uma boa salada… 😉

(relato do meu primeiro encontro de blogueiros, postado originalmente em 7 de junho de 2002)

(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 11 total, 2 max)