Joyce, Amaury e o Narguile

Me refiz do caos aéreo e, no sábado, fui de noite para o Ali Babar, na Vila Olímpia (sempre tem algum lugar novo em Sampa para eu conhecer), para um encontro especial de blogueiros organizado pela Sandra, que tomou para si o título de “Joyce Pascowich da blogosfera”. Era especial porque estava lá também o blogueiro do Lixo Tipo Especial, Flávio Prada, que veio dos cafundós da Itália.

Acreditem, o Flávio consegue ser mais calado do que eu!

O lugar é muito bom, com sofás, almofadas, apresentações de dança do ventre (para a alegria de hedonistas como o Donizetti e eu, que sonho com uma apresentação particular de uma certa moça do Nordeste), pratos típicos e narguile. Seria perfeito se não fosse a seleção musical.

O encontro teve outras presenças cariocas: Viva e Luna, que eu pretendia encontrar no Ibirapuera, onde fui ver a exposição do Leonardo da Vinci, na mesma Oca onde vi o Picasso há 3 anos. Não nos encontramos, mas tudo bem.

O encontro ainda teve a presença da Pat Köhler (a aniversariante de ontem), Tuca, Juju e Roberta de Felippe (que levou alguns amigos). Foi muito bom rever todos, especialmente a Beta, que há muito tempo prometia ir ao meu encontro e sempre havia algum problema. Amei botar o papo em dia. Adoro essa italianinha. 🙂

Quase todo mundo fumou o narguile, como eu mostro nas minhas fotos.


(foto tirada pela Roberta)

(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 19 total, 1 max)