Mozart para pensar

Um jovem candidato a compositor escreveu a Mozart com perguntas a respeito de como compor uma sinfonia. Mozart respondeu que era um gênero complexo, exigente, e sugeriu que ele começasse com algo mais simples. E o jovem, em outra carta: “Mas Mozart, o senhor já compunha sinfonias quando era muito mais moço do que sou agora”.

Resposta de Mozart: “Mas eu nunca precisei fazer perguntas”.

(postado originalmente em 03 de março de 2004)

(PostRating: 0 hits today, 0 yesterday, 25 total, 4 max)